Ok

En poursuivant votre navigation sur ce site, vous acceptez l'utilisation de cookies. Ces derniers assurent le bon fonctionnement de nos services. En savoir plus.

Os serviços consulares em Paris, não estão a altura das nossas necessidades.

Sem me apercebCONS.pnger o meu bilhete de identidade caducou, era valido por cinco anos, eu julgava que era dez anos como era antes e vai voltar a ser brevemente, para os que tiverem mais de vinte cinco anos, mas como só me apercebi no momento de registar as viagens na Internet, já era tarde para tentar renovar, estávamos a sete dias da data da viagem, então verifiquei a data de validade da minha carta de "sejour" e vi que tem validade permanente, julguei que era um documento que poderia utilizar para viajar em toda a Europa.

Então no passado mês de Abril, reservei dois bilhetes e o hotel para passar três dias em Roma, comprei os bilhetes na ryanair, no embarque passamos duas barreiras de segurança com a tal carte de "sejour", mas na ultima porta fomos impedidos de entrar no avião, a ryanair não aceita este documento para viajar nos seus aviões, ai não tivemos escolha, tivemos que voltar para casa e perdemos os mil e quinhentos euros que tinha custado a viagem.

Então fui ao site Internet do consulado de Paris, tive que me inscrever, depois deixei-me guiar até a agenda, onde se pode ver em linha as datas disponíveis para tratar de documentos e ai surpresa a próxima data livre era dentro de um mês e meio, marquei a data disponível e decidi telefonar para explicar a minha situação, que era ter comprado a uns meses atrás um bilhete de avião para o porto, para assistir ao casamento da minha irmã.

Ai eles deram-me um encontro explicando que me fariam um documento provisório uma semana antes para eu poder viajar até chegar a data do RDV para renovar o meu BI. na sexta feira dia três de Junho a uma semana de viajar, fui ao tal encontro ao consolado, ai levei com um balde agua fria. Os funcionários, disseram-me que me davam um papel para ir, mas que para voltar, teria que ir aos serviços em Portugal, pedir outro papel idêntico para poder voltar, sabendo que a viagem era só para o fim de semana, era impossível recuperar o tal papel, visto que estes serviços estão encerrados aos fins de semana. Com esta forma atrasada de tratar assuntos sérios, fui impossibilitado de assistir a ao casamento da minha irmã, o que me deixa uma enorme tristeza e mágoa, alem disso perco o dinheiro do bilhete de avião e do aluguer do carro.

Acho que o consulado tem a obrigação de tratar estes assuntos com responsabilidade e não como se fossemos portugueses de segunda, 1 mês e meio ir tratar um documento é inadmissível, a Internet tinha como missão de acelerar as coisas e não andar para traz, se alguém duvidar, basta comprovar no site Internet do consulado. Espero que este texto seja lido por alguém que tenha o poder de se preocupar connosco, temos direitos iguais e merecemos ser tratados com respeito e responsabilidade.

Les commentaires sont fermés.