Ok

En poursuivant votre navigation sur ce site, vous acceptez l'utilisation de cookies. Ces derniers assurent le bon fonctionnement de nos services. En savoir plus.

  • Rodrigo Leão um génio Português

    rodri.jpgRodrigo Leão nasceu em Lisboa, em 1964. Tornou-se conhecido nas bandas Sétima Legião e Madredeus.

      Biografia

    Foi em 1982 co-fundador dos Sétima Legião e em 1985, em conjunto com Pedro Ayres Magalhães e Gabriel Gomes cria os Madredeus.

    Suspende temporariamente os Sétima Legião entre 1993 e 1996 devido ao sucesso crescente do seu primeiro álbum a solo e às múltiplas solicitações do seu tempo.

    Abandona definitivamente os Madredeus em 1994 para se poder dedicar inteiramente à sua carreira a solo e às obras EP Mysterium, 1995 e o CD Theatrum (1996).

    A solo começa a explorar a combinação das suas composições clássicas-modernas com formas de canção e instrumentação mais tradicional, com a presença de Lula Pena ou Adriana Calcanhotto, no CD Alma Mater e correspondente digressão. Entre os eleitos seus convidados constam ainda Sónia Tavares, Nuno Gonçalves dos The Gift e Rui Reininho dos GNR que participou na gravação do seu álbum ao vivo intitulado Pasión. Quer o disco Alma Mater quer o próprio músico receberam dois importantes títulos de reconhecimento público, o de Disco do Ano e o de Artista do Ano.

    Em 2004 editou Cinema e foi considerado pelo editor da revista americana Billboard um dos melhores discos editados nesse ano. Neste trabalho participaram Beth Gibbons e Ryuichi Sakamoto.

    Lança em 2006 um olhar retrospectivo sobre a sua carreira com O Mundo [1993-2006], acrescentando seis canções inéditas.

    Em 2007 compõe a banda sonora original da série documental Portugal, Um Retrato Social dirigida por António Barreto para a RTP. Baseada nos 18 temas do disco surge a digressão nacional Os Portugueses.

    Em 2010 dirige um concerto no Museu do Oriente.

  • Cronica de Opinião de Mario Gonçalves

    Portugal sempre desempenhou um papel muito importante na Europa e em África, descobriu novos mundos, ensinou-lhes a nossa cultura e apresentou os novos mundos ao mundo, divulgou a nossa culinária, nomeadamente os grelos com bacalhau, prato que adoro, não fosse eu português.

    O seu povo, povo laborioso e empreendedor, nunca se acomodou às dificuldades da vida quer económicas quer culturais e, também em desacordo com a guerra colonial, partiu em busca de uma vida melhor , ao fazê-lo, melhorou não só a sua a vida como a vida dos que ficaram na sua terra natal.

    Na década de 60 deu-se o êxodo dos portugueses para França, Alemanha e Brasil, entre outros Estados, por toda a Europa foram se integrando socialmente com maior ou menor dificuldade, hoje, formam bonitas comunidades que lhes permitem reviver, recriar, as suas origens ancestrais.

    Fui pela 1ª vez a Paris em 1982 e constatei a forma como alguns portugueses viviam, confesso que nalguns casos fiquei triste , hoje quando vou a Paris sinto uma alegria enorme porque todos vivem bem, os seus filhos, perfeitamente adaptados e integrados na sociedade francesa, ocupam cargos de chefia dentro do Estado Francês e de empresas importantes na economia francesa, como por exemplo Air France e Peugeot.

    No seu dia a dia fazem as suas opções de vida e nunca esquecem as férias no mês de Agosto, na sua terra natal Sinto orgulho em ser Português.

    Mário Gonçalves

  • Luis Calçada festejou 94 anos

    aniversario calcada 152.JPG

    No passado dia 01 de Agosto 2010 o Sr. José Calçada organizou uma grande festa na sua aldeia natal que se chama : Formigueiro que fica situada no concelho de: Cabeceiras de Basto - Para festejar o 94° aniversario do seu pai Sr.Luís Calçada que e um senhor cheio de energia e bom humor.
    Foi no centro da aldeia de Formigueiro que foram instaladas as mesas, tendas e a cozinha de campanha para preparar o almoço a moda antiga com varias especialidades regionais do cabrito no pote,varias carnes grelhadas na brasa e regado com o bom vinho verde da região foi um banquete digno desse nome.
    Para este acontecimento foram convidados varias personalidades entre os quais o Manuel Moreira e o Guilherme Alves do programa de Terra em Terra que passa nas manhas de domingo na radio alfa que ai realizaram uma reportagem sobre este acontecimento, também os nosso amigos da Barroso TV  se deslocaram para realizar uma pequena reportagem para este excelente canal via Internet.
    Para animar a festa o Sr. Calçada convidou um grupo de musica popular Portuguesa que se chama Tradição  que cantaram musicas tradicionais do folclore Português e também ouve algumas desgarradas encantaram os presentes, para quem os quiser ouvir e ver numa festa em França eles estão abertos a todas as propostas nesse sentido, para contactos aqui fica o numero de telefone do responsável : 964769722 ou pelo correio electronico : ruibarsilva85@hotmail.com
    João Londrino